NOTÍCIAS
compartilhar este link
Briga de Titãs

28/11/2016 15:17:21
Taeq lança Cajuína Orgânica

17/11/2016 15:22:32
Morre Toninho Pratinha

21/10/2016 16:50:20
O futuro da Hanjin à deriva

04/10/2016 14:24:25
Ameaça de embargo

22/08/2016 14:58:11
Cuidados no pomar

04/08/2016 13:03:39
Sufresh FLIP chega ao mercado

20/07/2015 12:58:49
O suco que bate um bolão

16/03/2015 18:03:36
Consumo em queda

04/03/2015 09:06:51
O supersuco da Purity Organic

02/12/2014 15:27:46
Zone 8 lança chás premium

28/11/2014 17:29:15
Alta interrompida

25/11/2014 18:50:14
Suco volta a subir na Bolsa

21/10/2014 19:19:55
Edeka veta transgênicos

15/09/2014 07:37:58
Uma salada para beber

12/09/2014 13:02:00
O novo suco da Mello

09/09/2014 12:51:19
Suco volta a cair

08/09/2014 12:50:22
Suco volta a fechar em baixa

02/09/2014 12:47:06
Demanda enfraquece cotações

28/08/2014 12:37:42
A nova onda da Campbell

28/08/2014 12:36:27
O super suco da Juxx

28/08/2014 12:34:27
Vita Coco quer reinar na China

25/08/2014 12:29:49
O suco das Arábia

20/08/2014 12:28:16
Safra farta no Marrocos

18/08/2014 12:27:09
A laranja gigante

14/08/2014 12:21:44
Suco volta a subir na Bolsa

14/08/2014 12:21:44
Produção estável no Sul

06/08/2014 12:15:39
Mercado em baixa

05/08/2014 12:15:39
Laranja menor, lucros maiores

30/07/2014 11:56:33
Tempestade na demanda

29/07/2014 11:56:33
Suco estável

28/07/2014 11:56:33
Sem tempestade no radar

24/07/2014 11:56:33
Medo do furacão

22/07/2014 11:56:33
Em busca de direções

17/07/2014 12:16:24
Suco recua em NY

10/07/2014 11:49:32
Clima de alta

03/07/2014 11:44:03
Tempestades vem, suco sobe

02/07/2014 11:44:03
Queda mantida

30/06/2014 11:42:27
Queda se mantém

26/06/2014 11:19:54
Em busca de novas plantas

24/06/2014 11:19:54
A ciência gordurosa

24/06/2014 11:19:54
A próxima revolução verde

23/06/2014 11:19:54
O novo Captain Citrus

18/06/2014 10:54:40
Laranja para curtir

28/05/2014 10:45:00
Coca-Cola cria garrafa com 100% da cana-de-açúcar

Exame.com - 08/07/2015 - Objetivo da empresa é que todos os seus produtos usem apenas a nova embalagem até 2020

A Coca-Cola anunciou no último mês que criou uma garrafa pioneira: feita de plástico 100% da cana-de-açúcar. Ou seja, o plástico derivado do petróleo ficou para trás.

A "PlantBottle" foi apresentada na Expo Milano, conferência de tecnologia e alimentação. Apesar da origem orgânica, a marca alerta: a garrafa não é comestível.

De acordo com a empresa, a embalagem se parece com as tradicionais. O sistema de reciclagem é o mesmo, por exemplo. Mas com um plástico feito a partir da cana e não do petróleo, a "pegada ambiental" deixada no planeta é muito menor.
A primeira tentativa bem-sucedida da Coca-Cola de se livrar do petróleo aconteceu em 2009, quando criaram uma garrafa com 30% de plástico à base de planta.

Essa versão 30% "verde" já foi distribuída em 40 países nos últimos anos, em um total de 35 bilhões de embalagens. Nos EUA, já responde por 30% da produção. No mundo, representa 7%.

Calcula-se que, assim, 315 mil toneladas métricas de dióxido de carbono anuais foram poupadas à atmosfera. Essa quantidade de gases poluentes seria o equivalente a queimar 36 milhões de galões de gasolina (ou 743 mil barris).

Ainda não há previsão do uso das PlantBottles 100%. Mas uma empresa de biotecnologia fechou acordo com a companhia para produzir em escala comercial a invenção.

O objetivo da companhia é produzir e usar exclusivamente PlantBottles até 2020.

"A Coca-Cola está deternimada a liderar o processo para livrar a indústria das embalagens descartáveis da dependência dos combustíveis fósseis e das energias não-renováveis", disse um representante da empresa à CNN Money.

Eles alegaram também que vão ajudar empresas como Ford, Heinz, Nike, Procter & Gamble e SeaWorld a fazerem o mesmo com seus produtos.

Brasil
O Brasil pode lucrar - e muito - com essa iniciativa verde da Coca-Cola. É que já foi anunciado que toda a cana-de-açúcar usada nessas novas garrafas vem do Brasil.

Há também material secundário indiano - restos despejado a partir do processamento da cana naquele país.

A Coca também pretende usar novas tecnologias no futuro para transformar caules, cascas e restos de frutas em plástico orgânico.