NOTÍCIAS
DO CAMPO
compartilhar este link
A problemática fila da Anvisa

25/07/2016 12:44:28
Starbucks apoia cafeicultores

25/06/2015 11:52:08
Texas terá ajuda contra HLB

02/06/2015 12:57:45
Lista PIC

21/05/2015
Mercado espanhol segue incerto

16/03/2015 17:09:59
Licopeno contra o frio

18/02/2015 17:31:55
Greening causa perdas na China

19/01/2015 17:37:42
Produção estável no Sul

06/08/2014 12:15:39
Em busca de novas plantas

24/06/2014 11:19:54
Cancro em debate

07/05/2014 11:41:00
Todos contra o Cancro

17/04/2014 11:07:00
De olho no cancro

11/04/2014 12:11:00
De portas abertas

05/03/2014 16:27:00
Reforço Espanhol

25/02/2014 17:35:00
Uma vespa contra o greening

13/02/2014 12:22:00
Os prejuízos do frio

11/02/2014 13:29:00
Mais verba contra o greening

03/02/2014 11:12:00
Califórnia abaixo de zero

12/12/2013 16:14:00
Produção em queda

10/12/2013 15:43:00
Novas soluções

19/11/2013 14:33:00
Em busca de salvação

17/10/2013 13:31:00
Molécula pode salvar pomares

15/10/2013 11:06:00
Para falar de doenças

10/10/2013 12:51:00
O DNA do grenning

03/10/2013 15:07:00
Em busca de aliados

01/10/2013 12:11:00
De olho no inseto

24/09/2013 10:36:00
Capacitação contra doenças

12/09/2013 11:04:00
A safra de Steger

19/08/2013 19:09:00
Greening avança em SP

02/08/2013 15:24:00
Produção em queda

11/07/2013 15:46:00
Formulário contra o greening

10/06/2013 15:47:00
Laranjas em queda

11/04/2013 14:24:00
Doenças avançam

08/04/2013 12:23:00
Menos laranja na Flórida

12/12/2012 15:06:00
Um PIC contra as pragas

25/04/2012 14:34:00
Menos laranja na Flórida

12/04/2012 16:53:00
USDA estima safra da Flórida em 54 milhões de caixas

CitrusBR 16/10/2017 - Queda de 21% na produção foi causada pelas perdas do furacão Irma, em setembro

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) prevê que a safra de laranjas 
da Flórida na temporada 2017/2018 deve ficar em 54 milhões de caixas. O volume é 21% 
menor às 68 milhões de caixas da safra 2016/2017. Essa é a primeira estimativa feita pelo 
departamento americano após as perdas causadas pelo furacão Irma, que atingiu a região 
em setembro e está entre as principais causas para essa drástica redução na produção de 
laranjas.

As maiores perdas foram registras na variedade de laranja não-valência, cujo volume 
passou de 33 milhoes de caixas no final da safra passada para 23 milhões de caixas 
nesta estimativa inicial. Já as variedades valência tiverem uma perda de 4,75 milhões 
de caixas em relação à safra anterior e devem ficar em 31 milhões de caixas.

As perdas também devem atingir a produção de grapefruit, cujo volume estimado ficou 
em 4,90 milhões de caixas, volume 37% inferior ao fechamento da safra norte-americana 
anterior.