NOTÍCIAS
compartilhar este link
NOTA: CitrusBR e o Consecitrus

22/09/2017 16:11:36
O HLB é a bola da vez

17/02/2017 11:31:41
As gigantes fazem suas apostas

09/08/2016 12:29:03
A problemática fila da Anvisa

25/07/2016 12:44:28
Vem aí o suco expresso?

19/07/2016 14:17:06
O vale dourado da Sun Pacific

11/07/2016 16:30:25
Lista PIC

21/05/2015
Greening causa perdas na China

17/04/2015 15:30:27
Heinz e Kraft anunciam fusão

26/03/2015 17:11:06
Uma doutora em defesa do suco

09/03/2015 15:48:52
Um viva para os benefícios

02/03/2015 15:03:31
Modelo Consecitrus II

04/02/2014 16:13:00
Mais verba contra o greening

03/02/2014 11:12:00
Produção em queda

10/12/2013 15:43:00
Momento de unir forças

01/11/2013 12:43:00
16/12/2016
Espanha acelera colheita de citros

FreshPlaza - 16/12/2016 - Par evitar prejuízo na comercialização da laranja, a província de Castellon está realizando a colheita de forma mais acelerada já que existe a possibilidade de mais chuva na região.

A colheita de citrinos na província espanhola de Castellon tem sido realizada em um ritmo mais rápido, dada a possibilidade de mais chuvas neste fim de semana, o que poderia causar muitos danos como confirmado por fontes das organizações agrícolas.

De fato, o longo período chuvoso dos últimos dias causou perdas consideráveis ​​para o setor, como os pomares do tipo Clemenules onde não será possível colher nenhuma fruta.

A colheita está ocorrendo mais rapidamente, embora também com dificuldades devido à grande demanda por laranjas antes do período de Natal, principalmente, no mercado europeu.

O presidente da Federação de Produtores Provinciais de Castellón (Fepac-Asaja), Néstor Pascual, explicou que "o processo de colheita tem sido mais acelerado, embora a umidade excessiva nos campos no início da manhã impede que os catadores possam começar a trabalhar."

Recuos

Outro retrocesso é o fato de que "muitos pomares foram submetidos a tratamentos com fungicidas, e devemos esperar que os prazos sanitários sejam cumpridos". 

O secretário-geral da Unizó de Llauradors, Ramón Mampel, confirmou que eles estão tentando "colher o maior número de citros possível", e também observou que "devemos esperar e ver o que acontece, mas se chover novamente, a situação poderia tornar-se ainda pior. " Mampel ressaltou que "não houve vento depois das fortes chuvas e a umidade não secou, ​​então ainda há frutas estragando em um contexto onde ainda há muito Clemenules a ser colhido".

No que diz respeito às restantes variedades de citrinos, que chegarão mais tarde, há também preocupações sobre as condições climáticas, possivelmente, tendo um impacto sobre a sua produção e qualidade.