NOTÍCIAS
compartilhar este link
O HLB é a bola da vez

17/02/2017 11:31:41
As gigantes fazem suas apostas

09/08/2016 12:29:03
A problemática fila da Anvisa

25/07/2016 12:44:28
Vem aí o suco expresso?

19/07/2016 14:17:06
O vale dourado da Sun Pacific

11/07/2016 16:30:25
Lista PIC

21/05/2015
Greening causa perdas na China

17/04/2015 15:30:27
Heinz e Kraft anunciam fusão

26/03/2015 17:11:06
Uma doutora em defesa do suco

09/03/2015 15:48:52
Um viva para os benefícios

02/03/2015 15:03:31
Modelo Consecitrus II

04/02/2014 16:13:00
Mais verba contra o greening

03/02/2014 11:12:00
Produção em queda

10/12/2013 15:43:00
Momento de unir forças

01/11/2013 12:43:00
A safra de Steger

19/08/2013 19:09:00
Informação compartilhada

09/08/2013 11:09:00
Os caminhos da citricultura

25/04/2013 13:01:00
Citricultura na TV

11/04/2013 15:11:00
Laranjas em queda

11/04/2013 14:24:00
Doenças avançam

08/04/2013 12:23:00
Novos rumos para a laranja

13/03/2013 16:02:00
Os números da safra

08/03/2013 15:47:00
O mapa dos citros na Europa

03/01/2013 11:29:00
Menos laranja na Flórida

12/12/2012 15:06:00
Europa desvendada

16/10/2012 15:29:00
05/10/2016
Costa Rica deve expandir área de citros

Fundecitrus - 05/10/2016 - Safra 15/16 deve chegar a 8 milhões de caixas

O cultivo comercial de laranja na Costa Rica, país da América Central, começou na década 
de 80, hoje ocupa 22 mil hectares que estão distribuídos por todo o país. É a sexta atividade 
agrícola, ficando atrás de café, cana-de-açúcar, banana, abacaxi e azeite de dendê. A safra 
2015/16 de laranja teve produção de 8 milhões de caixas de 40,8 kg, 90% delas da variedade Valência.

A região Norte e a de Chorotega próximas à fronteira com a Nicarágua, são as principais produtoras, 
com 19 mil hectares. São nelas que estão as duas indústrias extratoras do país, a TicoFrut e a Del 
Oro. Nessa área também estão as maiores propriedades, que têm média de 80 hectares e são as mais 
tecnificadas.

A Costa Rica exporta a maior parte de sua produção tanto de frutos como de suco. De acordo com as 
informações do governo do país, as exportações de suco concentrado foram maiores que 35 mil toneladas 
nos últimos anos.

O país fica próximo do Estados Unidos que é o maior importador de seu suco de laranja, e não há 
barreira tarifária para o produto costa-riquenho entrar no território norte-americano. De acordo 
com o gerente agrícola da TicoFrut Thiago Antunes, brasileiro que trabalha na Costa Rica, desde 2015, 
a citricultura do país está em pleno desenvolvimento e crescimento. “Vejo muito potencial na produção 
de citros do país. Apesar de suas limitações devido ao tamanho do território e à infraestrutura, tem 
vantagens competitivas, com profissionais qualificados segurança e estabilidade econômica”, afirma.