NOTÍCIAS
compartilhar este link
O HLB é a bola da vez

17/02/2017 11:31:41
As gigantes fazem suas apostas

09/08/2016 12:29:03
A problemática fila da Anvisa

25/07/2016 12:44:28
Vem aí o suco expresso?

19/07/2016 14:17:06
O vale dourado da Sun Pacific

11/07/2016 16:30:25
Lista PIC

21/05/2015
Greening causa perdas na China

17/04/2015 15:30:27
Heinz e Kraft anunciam fusão

26/03/2015 17:11:06
Uma doutora em defesa do suco

09/03/2015 15:48:52
Um viva para os benefícios

02/03/2015 15:03:31
Modelo Consecitrus II

04/02/2014 16:13:00
Mais verba contra o greening

03/02/2014 11:12:00
Produção em queda

10/12/2013 15:43:00
Momento de unir forças

01/11/2013 12:43:00
A safra de Steger

19/08/2013 19:09:00
Informação compartilhada

09/08/2013 11:09:00
Os caminhos da citricultura

25/04/2013 13:01:00
Citricultura na TV

11/04/2013 15:11:00
Laranjas em queda

11/04/2013 14:24:00
Doenças avançam

08/04/2013 12:23:00
Novos rumos para a laranja

13/03/2013 16:02:00
Os números da safra

08/03/2013 15:47:00
O mapa dos citros na Europa

03/01/2013 11:29:00
Menos laranja na Flórida

12/12/2012 15:06:00
Europa desvendada

16/10/2012 15:29:00
27/09/2016
Estado de SP elimina 1,9 milhão de árvores

Valor Econômico - 27/09/2016 - Os dados foram divulgados pela Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA), órgão ligado à Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado.

O Estado de São Paulo, que concentra cerca de 85% da produção brasileira de laranjas, derrubou mais de 1,9 milhão de árvores citrícolas com sintomas de greening na primeira metade de 2016, segundo levantamento da Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA), órgão ligado à Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado.

Os produtores paulistas eliminaram ainda 28.833 árvores com sintomas do cancro cítrico, 1,5 milhão de plantas alegando mudança de atividade e 558,2 mil devido à reforma das lavouras. Em relação ao plantio, a CDA aponta o replantio de cerca de 1,034 milhão plantas e de 3,1 milhões de novos pés.

No total, o Estado contava com 180,2 milhões plantas produzidas por 7.526 produtores em um total de 10.320 propriedades ao final do primeiro semestre de 2016, segundo o balanço da Coordenadoria de Defesa Agropecuária.