NOTÍCIAS
compartilhar este link
O HLB é a bola da vez

17/02/2017 11:31:41
As gigantes fazem suas apostas

09/08/2016 12:29:03
A problemática fila da Anvisa

25/07/2016 12:44:28
Vem aí o suco expresso?

19/07/2016 14:17:06
O vale dourado da Sun Pacific

11/07/2016 16:30:25
Lista PIC

21/05/2015
Greening causa perdas na China

17/04/2015 15:30:27
Heinz e Kraft anunciam fusão

26/03/2015 17:11:06
Uma doutora em defesa do suco

09/03/2015 15:48:52
Um viva para os benefícios

02/03/2015 15:03:31
Modelo Consecitrus II

04/02/2014 16:13:00
Mais verba contra o greening

03/02/2014 11:12:00
Produção em queda

10/12/2013 15:43:00
Momento de unir forças

01/11/2013 12:43:00
A safra de Steger

19/08/2013 19:09:00
Informação compartilhada

09/08/2013 11:09:00
Os caminhos da citricultura

25/04/2013 13:01:00
Citricultura na TV

11/04/2013 15:11:00
Laranjas em queda

11/04/2013 14:24:00
Doenças avançam

08/04/2013 12:23:00
Novos rumos para a laranja

13/03/2013 16:02:00
Os números da safra

08/03/2013 15:47:00
O mapa dos citros na Europa

03/01/2013 11:29:00
Menos laranja na Flórida

12/12/2012 15:06:00
Europa desvendada

16/10/2012 15:29:00
17/07/2015
TNT aposta em energético sabor tangerina

Brasil Alimentos - 17/07/2015 - Segundo fabricante, a expectativa é aumentar em 10% as vendas desse grupo de bebidas neste ano

Após o sucesso do TNT maçã verde, lançado em janeiro de 2014, o Grupo Petrópolis decidiu investir no TNT tangerina. A Gerente de Propaganda do Grupo, Eliana Cassandre, diz que o TNT maçã verde responde por 8% das vendas de energéticos do grupo, o que fez a Petrópolis apostar no novo sabor.

O mercado brasileiro de energéticos saborizados é de apenas 1% do volume total, enquanto nos Estados Unidos há marcas que oferecem mais de 20 opções de sabores. Entretanto, a expectativa é que este mercado cresça no Brasil. “Os energéticos podem ser grandes aliados das pessoas que estudam, trabalham e malham. O TNT tangerina chega com a ‘missão’ de atender os consumidores que apreciam o produto não só na balada”, destaca Eliana.

A expectativa do Grupo Petrópolis para este ano é de um aumento de 10% nas vendas na comparação com 2014. Segundo dados da empresa, em 2005, o mercado nacional de energéticos era de aproximadamente R$ 550 milhões, enquanto em 2013, este valor saltou para R$ 4,3 bilhões, com um volume de 150 milhões de litros comercializados. Nos últimos 10 anos, o crescimento médio foi de 26,9% ao ano. Para os próximos cinco anos, esse número deve ser de 16,9%. O TNT Energy Drink é encontrado nas versões tradicional, maçã verde e zero açúcar.